|BUSCA NOMES COMUNS|abcdefgijlmopqrstuv
Portuguese English French German Italian Spanish

Macuquinho - Eleoscytalopus indigoticus

Avalie este item
(1 Voto)
Macuquinho - Eleoscytalopus indigoticus Macuquinho - Eleoscytalopus indigoticus

O Macuquinho (Eleoscytalopus indigoticus) é uma ave Passeriformes da família Rhinocryptidae.

Conhecido também por macuquinho-perereca, já que sua vocalização faz lembrar um som emitido por diversos anfíbios. É também uma espécie de tapaculo relativamente difícil de se observar, pois vive em ambientes escuros e densos no sub-bosque, raramente se expondo e dessa forma protegendo-se de predadores.

Seu nome científico significa: do (grego) heleos = pântano; e Scytalopus = referente ao gênero Scytalopus (Gould, 1837), pé de vara; e do (latim) indigotica, indigoticus, indicum= da cor do índigo, azul índigo, azul. ⇒ Tapaculo do pântano azul índigo ou (ave do) pântano azul índigo com pé de vara. A palavra indigoticus tem origem no idioma (grego)indikon que significa índigo.

Características

Mede aproximadamente 11 cm de comprimento, semelhante ao Macuquinho-baiano, mas diferenciando por características físicas e pela ocorrência. Há dimorfismo sexual. Os machos são mais escuros que as fêmeas, possuem uma coloração de azul-escuro nas partes superiores do corpo estendendo-se da cabeça até o manto, atingindo as coberteiras secundárias das asas, sendo castanho do dorso até a cauda e suas coberteiras e rêmiges primárias. Da garganta até a barriga é esbranquiçado, tendo em comum com a fêmea o flanco barrado. No caso das fêmeas a coloração das partes inferiores são um pouco manchadas e não esbranquiçadas totalmente, tendo as partes superiores e coberteiras secundárias de cor cinzenta. Os jovens tem a plumagem incompleta, a ausência de cores de ambos os sexos em diferentes partes do corpo, como as asas e as partes superiores lembrando mais as fêmeas.

Habita florestas primárias e secundárias úmidas nos domínios da Mata Atlântica, como matas de araucária, matas ciliares e matas subtropicais. Vivem solitários ou aos pares em locais densos e sombrios da mata, protegendo-se nos emaranhados próximos do solo. Emite um som constante de cerca de 4 segundos com intervalos de aproximadamente 5 ou 6 segundos lembrando certos anfíbios. Está ameaçado pela perda de habitat.

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! No projeto Cidadão Cintista - Reserva Salto Morato - Guaraqueçaba-PR.

Lido 334 vezes

Temos 32 visitantes e Nenhum membro online

Fatbirder's Top 1000 Birding Websites

Curitiba possui 30 Parques e cerca de 81 milhões m² de área verde preservada. São 55m² de área verde por habitante, três vezes superior ao índice recomendado pela Organização Mundial de Saúde, de 16m². No Brasil, é a cidade onde a Mata Atlântica é melhor preservada. 

Com aproximadamente 400 espécies identificadas na cidade, entre nativas, migratórias e exóticas, segundo livro publicado pela Prefeitura Municipal de Curitiba, iniciamos nossas passarinhadas nestes Parques, queremos lembrar que não se trata de um trabalho científico e sim o registro da nossa paixão pelas aves.


Hierarquia dos taxons pertencentes à classe Aves de todas as aves do Brasil baseada na lista de aves do Brasil de janeiro de 2014 do CBRO (Comitê Brasileiro de Registro Ornitológico).

Os Textos são de consulta do site: http://www.wikiaves.com.br/.