|BUSCA NOMES COMUNS|abcdefgijlmopqrstuv
Portuguese English French German Italian Spanish
Domingo, 27 Setembro 2015 14:19

Corujinha-sapo - Megascops atricapilla

Corujinha-sapo - Megascops atricapillaA corujinha-sapo (Megascops atricapilla) é uma ave Strigiformes da família Strigidae.

Seu nome científico significa: do (grego) megas = grande, e de scops = gênero Scops(Brünnich, 1772), coruja - referência a um gênero de corujas do Velho Mundo geralmente orelhudas; e do (latim) atricapillus = de cabelos negros; ater = preto; e de capillus, caput= cabelo da cabeça, cabeça. ⇒ Grande coruja Scops (que tem) o cabelo da cabeça preto ou Grande coruja Scops de cabelo preto.

Características

Mede entre 23 e 24 centímetros de comprimento e pesa entre 115 e 140 gramas. Espécie similar à corujinha-do-mato, mas com os penachos maiores e uma distinta área negra na nuca e no alto da cabeça. A cor da íris varia do amarelo ao laranja e marrom. Apresenta uma fase de plumagem escura com olho marrom, outra ruiva e também uma terceira, cinzenta, estas últimas com a íris amarelada.

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! No projeto Cidadão Cintista - reserva Salto Morato.

Corujinha-sapo - Megascops atricapilla 

 clique

Publicado em Espécies
Terça, 14 Abril 2015 13:50

Mocho-dos-banhados - Asio flammeus

mocho-dos-banhadosO Mocho-dos-banhados (Asio flammeus) é uma ave Strigiformes da família Strigidae. Também conhecida como coruja-do-bornal. Primeira descrição: Strix Flammea - Pontoppidan. Dansk Atlas 1, 1763 - Localidade: Suécia.

Seu nome científico significa: do (latim) asio = tipo de coruja orelhuda; e do (latim)flammeus, flamma = chamejante, ardente, cor de fogo. ⇒ Coruja orelhuda flamejante.

Nomes populares:

Francês: Hibou brachyote Alemão: Sumpfohreule Espanhol: Lechuza campestre Português: Mocho-dos-banhados

Características

Esta é uma coruja com cerca de 37 cm, aspecto delgado e partes inferiores finamente estriadas, possuindo asas longas e “orelhas” curtas e inconspícuas (Meyer-de-Schauensee, 1970; Sick, 1997), tarso e dedos recoberto por penas. Fêmea possui plumagem mais escura que o macho e jovem possui estrias no peito e no ventre.

Medidas:

Comprimento: 34 - 42cm

Peso: 206-396g (machos) e 260-475g (fêmeas)

Asa: 281-335mm

Registro feito em Americana- SP

Agradecimento ao amigo Gustavo Pinto que nos recebeu com paciência e dedicação em sua cidade e nos apresentou esta maravilhosa espécie.

mocho2 clique
mocho5 mocho4
Publicado em Espécies
Sexta, 01 Agosto 2014 17:41

Coruja-da-igreja - Tyto furcata

suidaraA Coruja-da-igreja (Tyto furcata) é uma Strigiformes da Família Tytonidae. Conhecida também como coruja-das-torres, coruja-da-igreja, rasga-mortalha (Maranhão, Pernambuco) ou suindara, é uma espécie de coruja muito comum no Brasil, bastante conhecida por nidificar em torre de igrejas e locais habitados (razão de um de seus nomes comuns). 

Está entre as aves mais “úteis” do mundo, no que se refere à economia do homem, pois consomem muitos roedores, principalmente nas proximidades de habitações humanas. O nome suindara vem do tupi e significa “o que não come”.

Seu nome significa:Tyto Furcata⇒ Coruja branca [com rabo de] pontiagudo. 

Obs: Modificado recentemente (2014). Antiga Tyto alba ⇒ Coruja branca.

Características

Possui em média 36 cm de comprimento e envergadura de 75 a 110 cm , as fêmeas pesam em média 570 g e os machos 470g. É uma espécie muito especializada, caça suas presas localizando-as principalmente pela audição. Possui dois discos faciais bem destacados, em forma semelhante a um coração, que ajuda a levar o som até a entrada dos ouvidos externos. Essa é uma estruturação única, separando-a das demais corujas em uma família especial, a Tytonidae.

Registro feito em Fernandes Piheiro-PR na Floresta Nacional de Irati.

suidara 

clique

suidara3

Publicado em Espécies
Quinta, 08 Março 2012 07:44

Corujinha-do-mato - Megascops choliba)

corujinha-do-matoA Corujinha-do-mato (Megascops choliba) é uma ave da ordem Strigiformes da família Strigidae. Também conhecida como coruja-da-mata e coruja-do-mato.

Características

Seu chamado mais característico é um piar acelerado, ascendente, emitido com grande freqüência no escurecer. Imitado, costuma aproximar-se da fonte ou responde com mais intensidade. Menor do que a coruja-buraqueira, destacam-se em sua silhueta as duas “orelhas” nos lados da cabeça. Os olhos são amarelados destacados na face cinza clara, contornada por negro externamente. Peito cinza com rajados escuros e verticais sobre finas listras transversais. Dorso cinza amarronzado com bolas e rajas escuras. O juvenil sem as “orelhas” e os riscos escuros na plumagem Como em outras corujas, aparece uma variação natural de exemplares adultos com plumagem marrom avermelhada no lugar do cinza.
Voa sem criar grandes turbulências, formadoras dos ruídos característicos do rufar de asas. Com isso, aproxima-se da presa em silêncio, tendo-a localizado antes pela visão ou através da audição apurada.

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! Estavam nesta corujada eu e o Luciano com os amigos  Sergio Gregório, Sergio Messias e Claudio Soares.

corujinha-do-mato

 

 

Publicado em Espécies

A Corujinha-do-sul, (Megascops sanctaecatarinae) é uma ave da ordem Strigiformes da família Strigidae

Características

A corujinha-do-sul, mede 28 cm de comprimento. Espécie meridional de grande porte.

Agradecimento especial ao Reni Santos que com sua experiência e calma nos proporcionou este registro. Corujada na companhia do Sergio Gregorio, Cid Espíndola e o André. 
É a segunda semana que fazemos esta Corujada. 
Ela deu mole duas vezes, muito bonitinha!!

 

do-sul4

 

 

Publicado em Espécies
Domingo, 13 Fevereiro 2011 21:08

Coruja-orelhuda - Asio clamator

coruja-orelhudaA Coruja-orelhuda, (Asio clamator) é um Strigiforme da família Strigidae. Conhecida também como coruja-gato (Pernambuco), coruja-listrada e mocho-orelhudo.

França: Hibou Strié
Alemanha: Schreieule
Espanha: Búho Gritón
Primeira descrição: Bubo clamator - Vieillot - 1807 - Localidade: Cayene

Características

Coruja de tamanho médio, medindo de 30 a 38 cm. O macho pesa de 335 a 385 gramas e a fêmea de 400 a 556 gramas. A asa mede de 228 a 294 mm e a cauda de 127 a 165 mm.
Apresenta “orelhas” proeminentes e disco facial claro.
 Olhos marrons escuros. Tarsos e garras emplumados.Alimenta-se de ratos, inclusive dos maiores, e morcegos, anfíbios, répteis e até pintinhos de galinha. 

Período reprodutivo, de Agosto a Setembro (hemisfério Sul).

Faz ninho no chão e em ocos de árvore. Põe de 2-4 ovos (normalmente 3), que são chocados por 33 dias. A fêmea praticamente não sai do ninho durante a incubação, sendo alimentada pelo macho.

Filhotes são capazes de voar entre o 37o e o 46o dia de vida. Aos 130-140 dias de vida os jovens são expulsos do território pelos pais. Frequentemente apenas um filhote é criado.

coruja-orelhuda

 

 

Publicado em Espécies
Domingo, 28 Março 2010 21:00

Coruja-buraqueira - Athene cunicularia

coruja-buraqueiraA coruja-buraqueira, (Athene cunicularia) recebe esse nome, pois vive em buracos cavados no solo. Vivem no mínimo 9 anos em habitat selvagem. Costumam viver em campos, pastos, restingas, desertos, planícies, praias e aeroportos, os predadores documentados dessa coruja incluem texugos, serpentes, doninhas. Também são conhecidas pelos nomes de caburé-de-cupim, caburé-do-campo, coruja-barata, coruja-do-campo, coruja-mineira, corujinha-buraqueira, corujinha-do-buraco, corujinha-do-campo, guedé, urucuera, urucuréia e urucuriá

Características

A cabeça é redonda e os olhos estão dispostos lado a lado, num mesmo plano. As sobrancelhas são brancas e os olhos amarelos. A coloração é cor de terra, mimética, podendo apresentar plumagem em tons de ferrugem causada por solos de terra roxa. A fêmea costuma ser mais escura e menor que o macho. Ave de pequeno porte, seu tamanho médio é de 23 cm. De porte pequeno, a Coruja-buraqueira possui uma cabeça redonda, tem sobrancelhas brancas, olhos amarelos, e pernas longas. Ao contrário a maioria das corujas o macho é ligeiramente maior que a fêmea e as fêmeas são normalmente mais escuras que os machos. É uma ave tímida, por isso, vive em lugares sossegados. Tem vôo suave e silencioso.

coruja-buraqueira

coruja-buraqueira

clique

coruja-buraqueira
coruja-buraqueira
Publicado em Espécies

Temos 131 visitantes e Nenhum membro online

Fatbirder's Top 1000 Birding Websites

Curitiba possui 30 Parques e cerca de 81 milhões m² de área verde preservada. São 55m² de área verde por habitante, três vezes superior ao índice recomendado pela Organização Mundial de Saúde, de 16m². No Brasil, é a cidade onde a Mata Atlântica é melhor preservada. 

Com aproximadamente 400 espécies identificadas na cidade, entre nativas, migratórias e exóticas, segundo livro publicado pela Prefeitura Municipal de Curitiba, iniciamos nossas passarinhadas nestes Parques, queremos lembrar que não se trata de um trabalho científico e sim o registro da nossa paixão pelas aves.


Hierarquia dos taxons pertencentes à classe Aves de todas as aves do Brasil baseada na lista de aves do Brasil de janeiro de 2014 do CBRO (Comitê Brasileiro de Registro Ornitológico).

Os Textos são de consulta do site: http://www.wikiaves.com.br/.