|BUSCA NOMES COMUNS|abcefgijlmopqrstuv
Portuguese English French German Italian Spanish
 Cirino

Cirino

Choquinha-de-peito-pintado - Dysithamnus stictothoraxA Choquinha-de-peito-pintado (Dysithamnus stictothorax) é uma ave Passeriformes da família Thamnophilidae.

Seu nome significa:do (grego) duö = plumagem; e thamnos = arbusto; e do (grego)stiktos = pintado; e de thörax = tórax, peito. ⇒ (Pássaro do) arbusto com plumagem do peito pintada.

Características

Mede 13 cm de comprimento. Ambos os sexos diferenciam-se de outros Dysithamnus pelo padrão de marcas constrastantes da cabeça. Pode ser sintópico com a choquinha-lisa.

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! No projeto Cidadão Cintista - Reserva Salto Morato - Guaraqueçaba-PR.

Choquinha-de-peito-pintado - Dysithamnus stictothorax 

 clique

Segunda, 28 Setembro 2015 16:54

Choquinha-cinzenta - Myrmotherula unicolor

Choquinha-cinzenta - Myrmotherula unicolorA Choquinha-cinzenta (Myrmotherula unicolor) é uma ave Passeriformes da família Thamnophilidae.

Seu nome significa: do (grego) murmos = formiga; e -thëras = caçador; myrmotherula = diminutivo de myrmothera = pequeno caçador de formigas, formigueiro pequeno; e do (latim) uni = um, único; e color = cor. ⇒ Pequeno caçador de formigas com cor únicaou pequeno formigueiro de uma só cor.

Características

Mede 10 cm de comprimento. O macho é uniformemente cinza, tendo a garganta manchada de preto e a fêmea é uniformemente ruiva com a garganta manchada de branco.

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! No projeto Cidadão Cintista - Reserva Salto Morato - Guaraqueçaba-PR.

Choquinha-cinzenta - Myrmotherula unicolor 

 clique

Choquinha-cinzenta - Myrmotherula unicolor -  Fêmea  

Barranqueiro-de-olho-branco - Automolus leucophthalmusO barranqueiro-de-olho-branco (Automolus leucophthalmus) é uma Passeriformes da família Furnariidae.

Seu nome científico significa: do (grego) automolus = desertor, aquele que esconde, arredio; e do (grego) leukos = branco; e ophthalmos = com o olho, olho. ⇒ Desertor com olho branco ou (ave) com olho branco que esconde.

Características

Mede 20 centímetros. Apresenta olhos e garganta brancos e plumagem ferrugínea. Nidifica em túneis e barrancos..

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! No projeto Cidadão Cintista - Reserva Salto Morato - Guaraqueçaba-PR.

Barranqueiro-de-olho-branco - Automolus leucophthalmus 

 clique

Domingo, 27 Setembro 2015 21:05

Mandrião-chileno - Stercorarius chilensis

Mandrião-chileno - Stercorarius chilensisO Mandrião-chileno (Stercorarius chilensis) é uma espécie marinha e também conhecido também como Skua, Págalo chileno, Escúa común ou Escúa chileno, Salteador chileno, Chilenkihu (Finlândia), Chilean Skua (Inglês), Catharacta chilensis (Sinônimo). É uma ave Charadriiformes da família Stercorariidae.

Seu nome significa: do (latim) stercorarius = de esterco (Stercus, stercoris esterco), uma referência à forma como a ave busca o seu alimento, atacando outra aves até elas regurgitarem; e de antarcticus = referência ao Chile, país da América do Sul. ⇒(Comedor) de esterco do Chile.

A população esta estimada em 6.000 indivíduos adultos.

É uma espécie migratória de longo curso.

Características

Possui um “capacete” escuro que contrasta com sua garganta canela. Apresenta o dorso castanho escuro e as partes inferiores canela. Quando pousado a cauda não ultrapassa a ponta das asas. Em voo nota-se um faixa branca nas rêmiges primárias em sua parte proximal, contrastando com a parte distal negra. Os pés apresentam membranas interdigitais e alguns indivíduos apresentam uma mancha branca no tarso (essa mancha pode estar relacionada com o dimorfismo sexual no período reprodutivo).Tamanho de 59 cm.

É audaz, territorial e agressivo. Costuma freqüentar colônias de aves marinhas, misturado a outras espécies, Algumas espécies de Stercorarius são aves cleptoparasitas, aves que roubam alimentos de outras aves, como peixes das gaivotas. Quando esta na época de nidificação alimentam-se também dos ovos e juvenis de outras espécies de aves.

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! No projeto Cidadão Cintista - Guaraqueçaba-PR.

Mandrião-chileno - Stercorarius chilensis 

 clique

Domingo, 27 Setembro 2015 20:37

Bem-te-vi-pequeno - Conopias trivirgatus

O bem-te-vi-pequeno (Conopias trivirgatus) é uma ave Passeriformes da família Tyrannidae.

Seu nome significa: do (grego) könöps, könöpos = mosquito; e piazö = que aproveita, aproveitador; e do (latim) tri = três; e virgatus, virga = listrado, lista, faixa. ⇒ Papa-moscas com três listas.

A subespécie berlepschi, menor e com algumas outras diferenças morfológicas, ocorre de forma disjunta na Amazônia central brasileira, além de pontos isolados na Venezuela, Equador, Peru e Bolívia. Esta subespécie possivelmente trata-se de táxon independente.

Características

Mede de 13,5 cm (ssp. berlepschi) a 14,5 cm (ssp. trivirgatus), a menor espécie do gênero. O que o diferencia de outras espécies de bem-te-vis é principalmente a ausência de penas brancas na parte anterior do pescoço. Muito semelhante ao bem-te-vi-da-copa (Conopias parvus), porém sem o amarelo no píleo.

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! No projeto Cidadão Cintista - Guaraqueçaba-PR.

Bem-te-vi-pequeno - Conopias trivirgatus 

 clique

Domingo, 27 Setembro 2015 19:17

Trinta-réis-anão - Sternula superciliaris

O Trinta-réis-anão (Sternula superciliaris) é um Charadriiformes da família Sternidae. É o menor dos trinta-réis de nosso País. Conhecida com trinta-réis-pequeno.

Seu nome científico significa: de sternula = diminutivo de Sterna (Linaeus-1758); e do (latim) superciliaris = com sombrancelhas. ⇒ Pequena Sterna com sombracelhas.

Características

Tais aves chegam a medir até 25 cm de comprimento e possuem, durante o período reprodutivo, bico amarelado e extremidade das asas anegradas.

Tão importante quanto o registro é a companhia dos amigos! No projeto Cidadão Cintista - Guaraqueçaba-PR.

Terça, 23 Junho 2015 13:59

Saíra-amarela - Tangara cayana

saira-amarelaA Saíra-amarela (Tangara cayana) é uma ave Passeriformes da família Thraupidae. Também é conhecida popularmente pelos nomes saí-de-asas-verdes, saí-amarelo, saíra-cabocla, capelo e sanhaço-caboclo (Minas Gerais), guriatã-do-coqueiro (Rio Grande do Norte) e sanhaçu-macaco (Ceará), Frevicente (Pernambuco), sanhaçu-íris (São Paulo).

Seu nome significa: (ave dançarina de Caiena ou vinda de Caiena.).

Características

O macho possui uma plumagem de coloração amarelo-dourada e uma notável máscara negra, que se estende pela garganta e passa pelo meio de toda a barriga. A fêmea é mais pálida e não possui a máscara de cor negra. Em ambos os sexos as asas apresentam uma coloração verde brilhante.

Pesa cerca de 20 gramas e mede 15 centímetros.

Habita matas abertas e ciliares, áreas cultivadas, parques e jardins. Vive aos pares ou em pequenos grupos.

Registro feito em São Pedro-SP e Neves Paulista-SP

Saíra-amarela - Tangara cayana clique
Saíra-amarela - Tangara cayana  Casal  

flamingoO Flamingo-chileno (Phoenicopterus chilensis) é uma ave Phoenicopteriformes da família Phoenicopteridae.

Seu nome significa: do (grego) phoinikopteros = com as penas das asas vermelhas, que possui as asas vermelhas; e do (latim) chilensis = referente ou originário do Chile na América do Sul. ⇒ (Ave) chilena vermelha ou (ave) de asas vermelhas do Chile.

Também conhecida em outras línguas como:

Francês: Flamant du Chili

Alemão: Chileflamingo

Espanhol: Flamenco Chileno

Nome em Inglês - Chilean Flamingo

Características

Mede de 96 a 107 cm e pesa cerca de 2,3 kg. A fêmea é aproximadamente 10% menor que o macho. O terço interno do bico é rosa, o restante preto, enquanto as pernas são rosa, com rosa mais escuro nas juntas. O jovem é cinza amarronzado..

Registro feito em Tavares-RS

flamingo2 clique
Sexta, 06 Fevereiro 2015 10:20

Ciconiiformes

As aves pertencentes a essa ordem são de médias ou grandes dimensões e apresentam características bastantes semelhantes entre as quais pernas, pescoço e bico compridos. Ocorrem em praticamente todo o mundo, com exceção dos locais mais frios e secos. São carnívoras, alimentando-se sobretudo de animais aquáticos, desde insetos a peixes e outros vertebrados.

Família Ciconiidae Sundevall, 1836 - Tuiuiú e afins


02 espécies

Sexta, 30 Janeiro 2015 14:10

Tachã - Chauna torquata

tachaA Tachã (Chauna torquata) é uma ave Anseriformes da família Anhimidae. Também conhecido por Inhuma poca, Chajá, Anhuma do pantanal, Tarrã (RS) e Tachã do sul.

O nome anhuma é pantaneiro, sendo também usado para uma outra espécie da mesma família, habitante da mata amazônica e matas densas do centro-oeste (nunca foi detectada no Pantanal, mas ocorre no alto rio Paraguai).

Seu nome significa: do (grego) khaunos = esponjoso, rugoso, poroso, referente aos sacos de ar sob a pele das aves gritadoras; e do (latim) torquata, torquatus = colarinho, colar. ⇒Pássaro com colar de pele rugosa.

Características

De coloração pardo-acinzentada escura, com algumas manchas brancas, cabeçuda e topetuda. O pescoço é contornado por uma gola negra realçada por uma segunda penugem branca. A face superior da asa é negra, com grande área branca visível durante o vôo, a face inferior da asa é totalmente branca. Região perioftálmica, anel nu ao redor do pescoço (nem sempre visível), pernas são vermelhas. Não há dimorfismo sexual, as fêmeas são menores que os machos. As patas são curtas e fortes e os três dedos da frente estão unidos por uma membrana interdigital rudimentar. Altura média de 80 cm e peso em torno de 4kg.

Grande habitante dos brejos, com formato e características únicas. O corpo, pernas e pés são enormes em relação à cabeça, pequena e com um penacho na nuca. Em vôo, mostra uma grande área branca sob a asa. Possui um esporão vermelho no cotovelo da asa, visível quando está pousada ou voando. Apesar do aspecto agressivo, não é usado como arma de ataque, servindo para comunicação entre as tachãs.
Destaca-se pelo chamado alto, feito por um indivíduo ou pelo casal, em dueto. Pode gritar a qualquer momento do dia, avisando sobre sua presença ou de intrusos, atraindo a raiva dos caçadores, ao espantar a presa. Esse chamado é mais grave no macho do que na fêmea, esta mais esganiçada, e é interpretado como dizendo “tachã”.

Registro feito em Tavares-RS

tacha clique
tacha2  
Página 9 de 16

Temos 19 visitantes e Nenhum membro online

Fatbirder's Top 1000 Birding Websites

Curitiba possui 30 Parques e cerca de 81 milhões m² de área verde preservada. São 55m² de área verde por habitante, três vezes superior ao índice recomendado pela Organização Mundial de Saúde, de 16m². No Brasil, é a cidade onde a Mata Atlântica é melhor preservada. 

Com aproximadamente 400 espécies identificadas na cidade, entre nativas, migratórias e exóticas, segundo livro publicado pela Prefeitura Municipal de Curitiba, iniciamos nossas passarinhadas nestes Parques, queremos lembrar que não se trata de um trabalho científico e sim o registro da nossa paixão pelas aves.


Hierarquia dos taxons pertencentes à classe Aves de todas as aves do Brasil baseada na lista de aves do Brasil de janeiro de 2014 do CBRO (Comitê Brasileiro de Registro Ornitológico).

Os Textos são de consulta do site: http://www.wikiaves.com.br/.