|BUSCA NOMES COMUNS|abcefgijlmopqrstuv
Portuguese English French German Italian Spanish
 Cirino

Cirino

O Bico-chato-amarelo (Tolmomyias flaviventris) é uma ave Passeriformes da família Rhynchocyclidae.

Conhecida também como encontro-de-prata e são-pedrinho.

Seu nome científico significa: do (grego) tolma = ousado, arrojado; e myias, muia = papa-moscas, moscas; e do (latim) flavus = amarelo; e venter, ventris = barriga, ventre. -  Papa-moscas ousado com a barriga amarela.

Características

Mede entre 12 e 12,7 centímetros e pesa cerca de 11,3 gramas. A cabeça e dorso asas e cauda são verdes oliva. Apresenta duas barras alares amareladas. A garganta, peito e ventre são amarelos. O olho é grande, escuro e circundado por um anel periocular amarelo dourado. O bico é achatado e preto. Os dois sexos não apresentam diferenciação na plumagem. Existem seis subespécies que apresentam diferenças no tonalidade da coloração da plumagem.

Encontrado solitário ou raramente aos pares, forrageia no estrato médio e alto nas matas, no cerrado e nas restingas. Esses tiranídeos são também encontrados em caatingas arbóreas, buritizais e matas de galeria. 

Parque das Dunas, bosque dos Namorados - Natal-RN.

O Beija-flor-de-barriga-branca (Amazilia leucogaster) é uma Apodiformes da família Trochilidae.

Seu nome científico significa: de Amazilia = heroina Inca na novela “Les Incas, ou la destruction de l'Empire du Pérou” de Jean Marmontel (1777); e do (latim) leukos = branco, branca; e gaster = barriga. -  Amazilia com barriga branca.

Características

Mede 10 cm de comprimento. É um beija-flor de bico reto com base da mandíbula rosada, partes inferiores brancas imaculadas, mancha pós-ocular branca, além de fronte e face verde-brilhante.

Parque das Dunas, bosque dos Namorados - Natal-RN.

Terça, 03 Maio 2016 14:25

Pipira-preta - Tachyphonus rufus

A Pipira-preta (Tachyphonus rufus) é um Passeriformes da família Thraupidae.

Conhecida também como encontro-de-prata e são-pedrinho.

Seu nome científico significa: do (grego) takhuphönos = aquele que fala rápido, que canta rápido; e do (latim) rufus = escuro, marrom, em ornitologia, rufus abrange um largo espectro de cores que vai do amarelo escuro ao vermelho e púrpura. - (Pássaro) escuro que canta rápido.

Características

Mede entre 17 e 18 centímetros de comprimento e pesa entre 25,7 e 42,5 (del Hoyo, 2014). O macho é preto-brilhante e a fêmea é marrom. A pipira é também conhecida como encontro-de-prata devido às manchas brancas, em forma de dragonas, que o macho tem sob as asas e que ficam à mostra durante o voo. Os filhotes são marrons.

Parque das Dunas, bosque dos Namorados - Natal-RN.

Pipira-preta - Tachyphonus rufus

clique

O Periquito-da-caatinga (Eupsittula cactorum) é uma ave da ordem dos Psittaciformes, família dos Psittacidae.

Também é muito conhecido no Nordeste pelos nomes de periquitinha, jandaia, gangarra, griguilim, guinguirra e grengueu.

Seu nome científico significa: do (grego) eu = bom; e do (latim) psitta = periquito, papagaio; e do (latim) cactorum = cactos, planta espinhosa das regiões áridas. - Periquito bom que gosta de cactus.

Características

Medindo 25 cm e pesando 120 g, tem a cabeça e corpo verde-acastanhada, dorso verde-oliva, asas verdes com as pontas azuis, peito alaranjado, bico marrom e barriga amarela.

Forte dos Reis Magos - Natal-RN.

O Papa-formiga-vermelho (Formicivora rufa) uma ave Passeriformes da família Thamnophilidae.

Seu nome científico significa: do (latim) formica = formiga; e -vorus, vorare = que devora, que come, devorar; e do (latim) rufus = avermelhado, castanho, marrom, vermelho. -  Papa formiga vermelho.

Características

A silhueta longilínea pode ser percebida a qualquer momento, ressaltada pelo comprimento da cauda. A fêmea e as aves juvenis possuem a parte ventral muito riscada de negro, em contraste com o branco acinzentado dessa região. No macho, essa área é toda negra. Sobrancelha larga e branca, estendendo-se pelo lado do pescoço. Dorso marrom avermelhado, mais acinzentado na cabeça. O pintalgado branco das asas e a ponta branca da cauda ajudam na identificação dessa ave.

Tem cerca de 13 centímetros, cauda comprida e plumagem fofa.

Parque Municipal da Cidade de Natal Dom Nivaldo Monte - Natal-RN.

O Papa-formiga-pardo (Formicivora grisea) é um Passeriformes da família Thamnophilidae. Conhecido também como formigueiro-pardo.

Seu nome científico significa: do (latim) formica = formiga; e -vorus, vorare = que devora, que come, devorar; e do (latim) griseus = cinza, acinzentado. ⇒ Papa formiga cinza ou devorador de formigas acinzentado. “Grisin de Cayenne” de d’Aubenton (1765–1781) (Formicivora).

Características

Mede cerca de 12,5 cm de comprimento. A plumagem dos dois sexos difere quanto à cor da parte inferior: preta no macho e bege-amarronzada na fêmea.

Parque Municipal da Cidade de Natal Dom Nivaldo Monte - Natal-RN.

Segunda, 02 Maio 2016 17:29

Maçarico-rasteirinho - Calidris pusilla

O Maçarico-rasteirinho (Calidris pusilla) é uma ave Charadriiformes da família Scolopacidae.

Seu nome científico significa: do (grego) kalidris, skalidris = pássaro da orla, cor de cinzas mencionado por Aristóteles; e do (latim) pusillus = minúsculo, muito pequeno. - Pássaro minúsculo, cinza da orla.

Características

Tem pés pretos e o corpo é cinza-amarronzado escuro em cima e branco embaixo. A cabeça e o pescoço são tingidos de cinza claro. Tamanho: 13-15 cm; 20-41 g; 34-37 cm de envergadura.

Migrante de longas distâncias (sul do Canadá e do Alaska), destinando-se às zonas costeiras da América do Sul.

Forte dos Reis Magos - Natal-RN.

Segunda, 02 Maio 2016 16:51

Gralha-cancã - Cyanocorax cyanopogon

A Gralha-cancã (Cyanocorax cyanopogon) é uma ave Passeriformes da família Corvidae. Também conhecida como cancão (Maranhão, Piauí, Ceará, Pernambuco e Bahia) e quem-quem. É considerada a voz da caatinga.

Seu nome científico significa: do (grego) kuanos = azul intenso, azul escuro; e korax = corvo; e do (grego) kuanos = azul escuro, azul intenso; e pögön = barba. ⇒ Corvo com a barba azul ou corvo com garganta azul.

Características

Pássaro de tamanho grande. Possui coloração deslumbrante nas cores branco e preto com linhas azuis que se assemelham com sobrancelha e olheira. Possui um canto alto semelhante a “cancão” e ao cantar levanta a cauda e a crista. Além deste canto “padrão”, possui uma gama variada de outras vocalizações que são utilizadas de acordo com a situação: alerta, chamado, etc. Também conseguem imitar outras aves. 

Vive na caatinga, cerrado denso e em matas de galeria mais abertas.

Vivem em grupos de 3 a 9 indivíduos. São extremamente territorialistas e defendem agressivamente seu território da invasão de outros da mesma espécie.

Forte dos Reis Magos - Natal-RN.

Segunda, 02 Maio 2016 16:48

Golinho - Sporophila albogularis

O Golinho (Sporophila albogularis) é uma ave Passeriformes da família Thraupidae. Também é conhecido como Brejal, Patativa (Pernambuco; Ceará), Golinha (Rio Grande do Norte; Ceará; Paraíba), Coleira-garganta-branca e gola.
Como todos os outros membros do gênero Sporophila, pode ser chamado de “papa-capim” acompanhado de algum outro adjetivo. Sporo é semente e, phila provem de phyllo que significa afinidade. Seriam realmente os “que tem afinidade com sementes” ou “papa-capim”.

Seu nome científico significa: do (grego) sporos = semente; e philos = que gosta, amigo; e do (latim) albus = branco, alvo; e gularis, gula = com garganta, garganta. ⇒(Pássaro) com garganta branca que gosta de sementes.

Características

Mede cerca de 10,5 cm. de comprimento. O macho possui a cabeça enegrecida e o restante das partes superiores cinza, a garganta branca, cuja tonalidade estende-se para cima, formando um colar incompleto na nuca, a fêmea e os filhotes são marrom-acinzentados nas partes superiores e amarelo-esbranquiçados nas inferiores. Filhotes machos adquirem a plumagem de adulto com cerca de 18 meses de idade. Seu canto é um gorjear fino, persistente, bem variado e rápido. Realiza imitações.

Varia de incomum a localmente comum na vegetação arbustiva e em veredas úmidas da caatinga. Neste ambiente procuram avidamente e em grande número as fontes de água, onde tanto matam a sede como se refrescam em banhos. Costumam se reunir em árvores próximas às fontes onde dezenas de indivíduos vocalizando ao mesmo tempo. 

Forte dos Reis Magos - Natal-RN.

Segunda, 02 Maio 2016 13:06

Corrupião - Icterus jamacaii

O Corrupião (Icterus jamacaii) é um Passeriformes da família Icteridae.

Também conhecido como concriz, joão-pinto e sofrê.

Seu nome científico significa: do (grego) ikterus = amarelo; e do (tupi) jamacaí = pássaro que come lagartas. - (pássaro amarelo que come lagartas).

Características

Mede cerca de 23 cm de comprimento. Não apresenta dimorfismo sexual.

Trata-se de uma das aves mais lindas e de voz,  mais melodiosa deste continente.

É comum em áreas da caatinga e zonas secas abertas, onde pousa em cactáceas, e também em bordas de florestas e clareiras, nos locais mais úmidos, nos locais mais secos como a caatinga nordestina procuram avidamente as fontes de água, tanto para matar a sede como para tomarem deliciosos banhos. Vive aos pares. Não costuma acompanhar bandos mistos de aves.

Forte dos Reis Magos - Natal-RN.

Página 5 de 16

Temos 20 visitantes e Nenhum membro online

Fatbirder's Top 1000 Birding Websites

Curitiba possui 30 Parques e cerca de 81 milhões m² de área verde preservada. São 55m² de área verde por habitante, três vezes superior ao índice recomendado pela Organização Mundial de Saúde, de 16m². No Brasil, é a cidade onde a Mata Atlântica é melhor preservada. 

Com aproximadamente 400 espécies identificadas na cidade, entre nativas, migratórias e exóticas, segundo livro publicado pela Prefeitura Municipal de Curitiba, iniciamos nossas passarinhadas nestes Parques, queremos lembrar que não se trata de um trabalho científico e sim o registro da nossa paixão pelas aves.


Hierarquia dos taxons pertencentes à classe Aves de todas as aves do Brasil baseada na lista de aves do Brasil de janeiro de 2014 do CBRO (Comitê Brasileiro de Registro Ornitológico).

Os Textos são de consulta do site: http://www.wikiaves.com.br/.